quinta-feira, abril 25, 2024
InícioBlockchainHacker da Bitfinex Colabora com Autoridades dos EUA em Caso Contra Bitcoin...

Hacker da Bitfinex Colabora com Autoridades dos EUA em Caso Contra Bitcoin Fog

Data

Relacionado

Only1: Construindo um Rival do OnlyFans na Solana

A empresa Only1 está dando um passo audacioso ao...

Plataformas Magic Eden e OKX Lançam Tokens Runes do Bitcoin

Duas importantes plataformas do mercado de criptomoedas, Magic Eden...

Ilya Lichtenstein, responsável pelo ataque à exchange Bitfinex em 2016, encontra-se agora cooperando com as autoridades americanas. Após declarar-se culpado de lavagem de dinheiro no ano passado, Lichtenstein está auxiliando promotores federais em um caso contra o mixer de criptomoedas Bitcoin Fog. Este artigo aborda os detalhes dessa colaboração e os desdobramentos recentes no julgamento relacionado.

Hacker da Bitfinex Colabora com Autoridades dos EUA em Caso Contra Bitcoin Fog

A Reviravolta de Lichtenstein

Lichtenstein, que anteriormente roubou cerca de US$ 3,6 bilhões da Bitfinex, viu-se do lado oposto da lei. Preso em 2022, agora desempenha um papel crucial na construção do caso contra Roman Sterlingov, acusado de operar o Bitcoin Fog como um serviço de mistura de transações de criptomoedas.

Testemunho no Julgamento

Comparecendo a um julgamento em Washington, D.C., Lichtenstein testemunhou contra Sterlingov. Este último enfrenta acusações relacionadas à operação ilegal do Bitcoin Fog, um mixer de criptomoedas usado para ocultar a origem de transações, dificultando a identificação de seus autores.

A Utilização de Mixers por Lichtenstein

Como testemunha colaboradora, Lichtenstein admitiu ter usado serviços como o Bitcoin Fog cerca de dez vezes para lavar os fundos roubados da Bitfinex. Contudo, ressaltou que esse não era seu método principal, preferindo outros mixers, como o Helix.

Acusações contra Sterlingov

As autoridades dos EUA acusam Sterlingov, cidadão russo com dupla cidadania sueca, de operar o Bitcoin Fog de maneira ilegal. Alegam que ele recebeu milhões de dólares de mercados obscuros associados ao tráfico de drogas ilegais.

Interrogação da Defesa

A defesa de Sterlingov, liderada por Tor Ekeland, questionou a conexão de Lichtenstein com a plataforma, enfatizando a falta de evidências como registros de servidores e relatos de testemunhas oculares.

Motivações Reveladas

Durante seu depoimento, Lichtenstein explicou os motivos por trás do ataque à Bitfinex. Alegou que problemas com sua startup em São Francisco o levaram a cometer o crime. Ele recrutou sua esposa, Heather Morgan, para auxiliar na ocultação dos fundos desviados.

Conclusão do Caso Bitfinex

Em agosto de 2023, Lichtenstein e Morgan confessaram formalmente as acusações de lavagem de dinheiro e conspiração para cometer fraude. Este desfecho encerrou um mistério de sete anos, destacando os desafios enfrentados pelas autoridades na investigação de crimes cibernéticos no ecossistema das criptomoedas.

O último

Relacionado

Only1: Construindo um Rival do OnlyFans na Solana

A empresa Only1 está dando um passo audacioso ao...

Plataformas Magic Eden e OKX Lançam Tokens Runes do Bitcoin

Duas importantes plataformas do mercado de criptomoedas, Magic Eden...