quinta-feira, abril 25, 2024
InícioBlockchainPresidente do Banco Central da Nigéria Aponta Binance por Movimentação de Fundos...

Presidente do Banco Central da Nigéria Aponta Binance por Movimentação de Fundos “Ilícitos”

Data

Relacionado

Only1: Construindo um Rival do OnlyFans na Solana

A empresa Only1 está dando um passo audacioso ao...

Plataformas Magic Eden e OKX Lançam Tokens Runes do Bitcoin

Duas importantes plataformas do mercado de criptomoedas, Magic Eden...

Em um comunicado surpreendente durante a recente reunião do Comitê de Política Monetária do Banco Central da Nigéria (CBN), Olayemi Cardoso, presidente do banco central, acusou a Binance de ser utilizada como canal para movimentar fundos “ilícitos” e “suspeitos”. Segundo Cardoso, a operação da Binance na Nigéria teria movimentado US$ 26 bilhões em fundos não rastreáveis no último ano.

Alegações de Movimentação de Fundos Opacos

Durante a reunião em Abuja, Cardoso declarou que a Binance Nigéria teria processado milhões de dólares provenientes de fontes e usuários não identificáveis. O presidente do BC nigeriano destacou a complexidade em identificar a origem desses fundos, levantando preocupações sobre o uso da plataforma para atividades financeiras suspeitas.

Resposta da Binance e Medidas das Autoridades

Até o momento, a Binance não se pronunciou sobre as alegações feitas pelo presidente do BC da Nigéria. Cardoso ressaltou que as autoridades estão empenhadas em controlar a situação, visando impedir a entrada de manipuladores de mercado no país. Essas acusações surgem em meio a uma crise cambial na Nigéria, que enfrenta desafios econômicos, incluindo a desvalorização da naira nigeriana.

Presidente do Banco Central da Nigéria Aponta Binance por Movimentação de Fundos "Ilícitos"

Restrições às Corretoras de Criptomoedas

O CoinDesk informa que, como parte dos esforços para conter a crise cambial, as autoridades nigerianas bloquearam o acesso a algumas das principais corretoras de criptomoedas globalmente. A Comissão Nigeriana de Comunicações (NCC) ordenou que empresas de telecomunicações restrinjam o acesso dos consumidores aos sites, incluindo o da Binance. A Coinbase afirmou que sua plataforma local permanece acessível.

Conclusão

As alegações feitas pelo presidente do BC da Nigéria acrescentam mais um capítulo à crescente tensão entre as autoridades nigerianas e as corretoras de criptomoedas. Em meio à busca por soluções para a crise cambial, as medidas restritivas podem impactar significativamente o cenário das criptomoedas no país, gerando discussões sobre o equilíbrio entre regulação e inovação no setor financeiro. A Binance, uma das maiores exchanges do mundo, enfrenta agora o desafio de responder às acusações e lidar com as possíveis consequências regulatórias.

O último

Relacionado

Only1: Construindo um Rival do OnlyFans na Solana

A empresa Only1 está dando um passo audacioso ao...

Plataformas Magic Eden e OKX Lançam Tokens Runes do Bitcoin

Duas importantes plataformas do mercado de criptomoedas, Magic Eden...